Skip to main content

Full text of "historiabenhur"

See other formats


^Em Jerusalem, no tempo de Jesus, quando a Judeia era 
governada pelos Romanos... 



Tirzah 



^Era uma familia rica, 



com 



sua mae 



a s 



irma 



AJudah estav 
administrador da 



noivo de Ester 



filha d 
familia Hur. 



Simonidas 



SO melhor amigo de Ben-Hur era //™I?SS<S111(§1, urn oficial 

romano que, embora tivesse crescido em Jerusalem junto com 
Ben-Hur, tinha partido para Roma para estudar. 



^Anos depois Messala regressou a Jerusalem, ja como chefe 
da legiao Romana que controlava a cidade. Embora 
continuassem amigos, Messala estava diferente, mais 
arrogante. 



>^Dias mais tarde, chegou a Jerusalem Valerius Gratus, o novo 
Procurador da Judeia. 

^Judah e a sua irmao Tirzah subiram ao terraco para ver melhor o 
cortejo. 

>^Os judeus alinhavam-se ao longo da estrada gritando insultos 
contra Gratus e contra os Romanos. 



^Quando Judah se inclinou 
para ver melhor o Procurador, a 
sua mao acidentalmente 



elha 



deslocou urn 

lancando-a s( 

caiu do cavalo desmaiado. 

^Em segundos, os soldados 
romanos interviram . 








Entao Judah ouviu 



familiar: 




"E ele o culpado!" 



Ida 
legiao, que fingiu nao reconhecer Judah. 



"Apanhem-no! E esta e a sua mae e aquela a 
sua irma. Prendam toda a familia." 



^Judal. 

a sua familia. 

^Os seus bens foram confiscados pelos romanos e a casa foi 
fechada. 



^Judah foi condenado a ser 
escravo nas gales e Tirzah e a / 

mae foram levadas para a prisao 





m 



^A viasem de Bem-Hur comecou 



^Foi levado pelos soldados, 
juntamente com outros escravos. 

^Durante o caminho, quando 
finalmente fizeram uma pausa no 
poco da cidade, Bem-Huntombou 
exausto na estrada. 

^Um jovem aproximou-se 
paraoferecer uma bebida ao 
prisioneiro. Quando o estranho 
pousou a mao sobre o ombro de 
Bem-Hur, ele olhou para cima e viu 
urn rosto que ele jamais 
esqueceria. 

^Assim, pela primeira vez, Judah 
encontrou JCSUS. 




, 



^Tres anos depois, Judah tinha sido escravizado como remador numa galera romana 
comandada pelo respeitavel e vitorioso Quintus Arrius, que chefiava uma frota para 
expulsar os piratas do Mediterraneo. 

^0 comandante que gostava de conhecer os seus homens. 

^Ficou profundamente impressionado com um jovem alto que remava com vigor e uma 
certa harmonia. 

^Quando Arrius Ihe perguntou sobre o seu passado, Judah revelou que era filho de um 
rico mercador de Jerusalem, da casa de Hur. 



^Curioso por saber o que tinha acontecido, perguntou-lhe como se tinha tornado 
escravo. Ben-Hur contou-lhe entao o acidente e como tinha sido traido pelo seu melhor 
amigo. 



Vendo que era um homem honrado, Arrius decidiu que este 
escravo podia ficar livre das correntes 






r-< 



K 





^Pouco depois os navios romanos 
localizaram os barcos piratas e estes 
atacaram a galera! 

^Uma vez que estava livre das 
corrente, Ben-Hur lan^ou-se a agua. 

^Enquanto nadava para longe, viu o 
comandante Arrius tambem na agua, 
tentando desesperadamente manter- 
se a superficie. 

AJudah auxiliou Arrius a subir para urn 
pedaco de madeira que flutuava, 
livrando-o assim da morte. 

^Arrius adotou Ben-Hur como seu 
proprio filho, dando-lhe a cidadania 
romana 




% 




^Ben-Hur viveu entao em Roma durante dois anos, entre os ricos 
e os poderosos. 

^Quando Arrius faleceu, Ben-Hur herdou todos os bens, 
tornando-se novamente urn homem muito rico. 

^Decidiu entao voltou a Judeia para procurar a sua mae e irma. 

^Ao regressar a sua antiga casa, encontrou o seu velho servo, 
Simonidas, e sua filha, Ester. 



^Esta disse-lhe que a mae e a irma tinham sido presas e nunca 
mais tinham ouvido falar delas. Pensando que tinham morrido, 
Ben-Hur resolveu vingar-se de Messala. 



^Um dia, Ben-Hur foi ate ao coliseu. 



^Estavam a preparar uma grand 

honra do novo Procurador da Jud 
substituir Gratus. 



corrida de quadrigas 



[•J IM !•■ ^ 1 rSlM kfm* li l^mJM I II I P 



>^Chamou-lhe a aten^ao uma quadriga com 4 cavalos pretos conduzida 
por urn official romano que chicoteava fortemente os cavalos. 

v'Olhando com mais aten^ao, viu que o condutor era MOSSSllll! 



J £)£Xfilll(ol 



>^Ao saber que o xeque arabe llderim estava interessado em contratar 
urn condutor para a sua quadriga, Ben-Hur ofereceu seus servi^os e 



M»ina«(»]imiMiMiiiinM«iinniitiM 



fck 





■fcviT^PS^ 






ft 


i fL 


r 








j 


T^^^^i— J ■ M jt*^r ' ~ 













^0 dia da corrida finalmente chegou. Ben-Hur estava decidido a humilhar o 
seu inimigo a qualquer custo. 

^Comecou a corrida. Ao fim de muitas peripecias, Ben-Hur foi declarado o 
vencedor. 



^Embora tivesse vencido, Ben-Hur nao estava feliz. Dirigiu-se ao local onde 
Messala estava e vendo-o a beira da morte devido aos ferimentos sofridos 
durante a corrida, teve pena dele e perdoou-lhe todo o mal que Ihe tinha 
feito. 



^Nessa epoca, o novo Procurador da Judeia, Poncio Pilatos, ordenou uma 
revisao de todas as sentencas dos prisioneiros. 

^Tirzah e a mae de Ben-Hur foram retiradas das profundezas de uma 
cela subterranea e libertadas. Ambas sofriam de lepra e foram expulsas 
da cidade, como acontecia com os leprosos. 



^A antiga noiva de Ben-Hur, Ester, era ja uma das seguidoras de J6SUS 

e praticava o bem, ajudando a cuidar dos leprosos. Ao reconhecer a mae 
e a irma de Ben-Hur, imediatamente decidiu leva-las consigo para estas 
verem Jesus. 



^Estas nao queriam ir pois tinham 
vergonha do estado em que estavam. 
Entao Ester foi chamar Ben-Hur para Ihe 
dizer que a mae e a irma estavam vivas. 



^Ben-Hur foi entao busca-las e levou-as 

consigo para ver JeSUS que, segundo 
diziam, tinha o poder de curar os 
doentes. 




Mas JeSUS tinha ja sido condenado a 



morte. 



Ao ver JeSUS caido e ser maltratado 
pelos soldados Romanos, Ben-Hur 
interviu e ajudou Jesus. 

A fe de Tirzah e de sua mae era tao 
grande que elas sentiram a doenca sair 
de seus corpos e ficaram curadas. 

Depois da morte de JeSUS, 
regressaram a casa. Embora tristes 
com o que tinham visto, agradeceram 
a Deus por a familia estar de novo 

reunida e a JeSUS por ter curado a 
mae e a irma de Ben-Hur, tendo-se 
tornado, desde esse momento, 
Cristaos.